Com que então o Soares morreu. Pois morreu… Antes ele do que eu! Eu sei que os vira-casacas de plantão dirão: “Oh, Paulo, não sejas assim e blá e coisa e tal!

Mas, pensem lá, que falta far-me-á o homem? Que falta vos fará do alto da prancha e antes do salto para o mar infestado de tubarões? É só mais um político como muitos outros políticos. Fez coisas que se podem pensar boas, que se podem pensar más… Que se podem pensar para sempre ou esquecer num instante. É só mais um político que é tão humano quanto qualquer outro e, assim sendo ou só por isso mesmo, morreu. (Antes ele!)15995481_10154886539342365_1131023958_n

Seres humanos morrem, acostumem-se a isso. E eu, como outro ser humano, não podia ligar menos à sua morte. Não me dói ou afecta. É apenas menos um político na face do planeta. É uma pena, apenas, que não tenha levado os outros todos consigo.

Além do mais, não vejo qualquer razão palpável para tanto “cerimonismo” e gasto de dinheiro públicos para algo como o funeral de um ex-presidente. (Apesar de isto ser só o repetir depois de morto do que já fazia enquanto vivo!) Um português que morreu. Como tantos outros portugueses já morreram e morrerão. É só mais um político que é tão cidadão quanto qualquer outro e, assim sendo ou só por isso mesmo, morreu. (Antes ele!)15970754_10154886539577365_1198377079_n

Todo o cidadão português vale o que pensa (Ou se pensa.), o que diz (Ou terá dito!) e o que faz. (Ou terá desfeito?) Só que não! Só que não! Só que não!16111555_10154886539917365_117495751_n

Comentários



PAR

Sou muitos por cento H2O o que quer dizer que fervo a 100 e congelo a zero... tenho muito para dizer mas só digo quando quero.

Publicação Anterior

EUROSONIC NOORDERSLAG 2017: PORTUGAL COUNTRY FOCUS 11-14 JANEIRO

Proxima Publicação

Prémio Irreversível 2016 - Votação